quinta-feira, 30 de setembro de 2010

ATÉ DECIDIR...

(...)"As dores lapidam a sabedoria,
as falhas constroem a tolerância,
as perdas geram novas conquistas,
os fracassos nos tornam mais fortes."
(Augusto Cury)

... somos aquilo que pensamos ser, temos aquilo que merecemos ter!

A decisão é nossa.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

QUEM DISSE QUE É FÁCIL?!?

RELACIONAMENTOS
"Acho que namoro, casamento, romance, podem (ou não!) ter começo, meio e fim. Como tudo na vida.
Detesto quando escuto aquela conversa:
- Ah, terminei o namoro...
- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... que pena... acabou...
- é... não deu certo...
Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores. Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?E não temos essa coisa completa. Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama. Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel. Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador. Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível. Tudo junto, não vamos encontrar...
Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele. Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.
E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.
Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer. Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não.
Existe gente que precisa da ausência para querer a presença. O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama. Que graça tem alguém do seu lado sob pressão? O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento. Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse...
A pior coisa é gente que tem medo de se envolver. Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.
Na vida e no amor, não temos garantias. Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear. E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar...Enfim...quem disse que ser adulto é fácil "???


... é... Falar sempre é mais fácil do que a prática.

Dedico o post de hoje à um amigo que amoooo,

que está passando as suas dores particulares.

Lembre-se :

TUDO PASSA!!!

Mesmo que neste momento você não queira que passe, tá?

beijos!

terça-feira, 28 de setembro de 2010

PLEONASMO

*Sempre existem exceções, claro!... mas a regra?!?
É essa... infelizmente!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

PARTE DA MINHA BIOGRAFIA

(...) "Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos ,um livro mais ou menos.
Tudo perda de tempo!!! Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo! (..)
O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia!"...
(Trecho de "O Divã"de MARTHA MEDEIROS)
...E AÍ?!? (rs....rs...)

domingo, 26 de setembro de 2010

MÃE é MÃE!!!

ô, coisa boa!.... Bom descanso!
Um ótimo domingo para vocês!
Beijos!

sábado, 25 de setembro de 2010

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

PRIMEIRA IMPRESSÃO

Sou da opinião de que os DETALHES é que fazem toda a diferença. Assim, trouxe hoje, em foco, a 'primeira impressão' de qualquer casa, a entrada principal, a tal da PORTA DA FRENTE.
São idéias variadas para você se inspirar e deixar o "pórtico que conduz ao seu refúgio" mais charmoso e personalizado... é ela que separa você de todo o resto do mundo, afinal de contas! São portas de estilos variados, para todos os tipos de casas e gostos.
Vale à pena conferir e atentar-se aos detalhes... Muito mais forte que o famoso chavão que diz que "a primeira impressão é a que fica", tenho sempre em mente o que a arquiteta com a qual eu tive a felicidade de ter as minhas primeiras lições deste mundinho das artes me ensinou:
(...)"Ninguém tem uma SEGUNDA chance de causar uma boa PRIMEIRA impressão"...
É pegar ou largar!.. Gravei isso para sempre!!!... rs!... Curtam! Beijos!



Pela Porta da Frente
Jorge e Mateus

Composição: Bruno / Ricardo Primo


Trago uma dor no meu peito

Lembranças de tudo que aconteceu

Em mais uma noite sozinho na cama

O quarto é tão grande a solidão me bateu

Tento passar o meu tempo

Assistindo a novela na televisão

Tentei ler um livro que fala de guerra

Mas nada que faço me chama atenção

Vem que eu te espero,

Entra pela porta da frente

Não deixe que o medo acorrente

Esse amor que é mais forte

Que as brigas da gente

Vem, não tenha vergonha do amor

E arranque do peito a tristeza

Da noite, do dia que você me deixou...

* Acordei com esta música (chatinha até... rs) na cabeça hoje....

e p/ ser sincera, foi o que me inspirou a procurar a tal da

PORTA DA FRENTE!... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk! Beijos!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

ELEIÇÕES

Consciência!... isso pode mudar o nosso país!

CONHECIA


...muito ruim isso!

CONFLITOS INTERNOS... KKKKKKKKKKKKK!

terça-feira, 21 de setembro de 2010

PRA SER AMIGO...


TODO O RESTO

Todo o resto
"Certo e errado são convenções que confirmam-se com meia dúzia de atitudes.
Certo é ser gentil, respeitar os mais velhos, seguir uma dieta balanceada, dormir oito horas por dia, lembrar dos aniversários, trabalhar, estudar, casar e ter filhos, certo e morrer bem velho e com o dever cumprido.
Errado é dar calote, rodar de ano, beber demais, fumar, se drogar, não programar um futuro decente, dar saltos sem rede.
Todo mundo de acordo?? Todo mundo teoricamente de acordo, porém a vida não e feita de teorias. E o resto? E tudo aquilo que a gente mal consegue verbalizar, de tão intenso? Desejos, impulsos, fantasias, emoções.
Ora, meia dúzia de normas pré-estabelecidas não dão conta do recado. Impossível enquadrar o que lateja, o que arde, o que grita dentro de nós.
Somos maduros e ao mesmo tempo infantis, por trás do nosso autocontrole há um desespero infernal. Possuímos uma criatividade insuspeita, inventamos músicas, amores e problemas e somos curiosos, queremos espiar pela fechadura do mundo para descobrir o que não nos contaram. Todo o resto.
O amor é certo, o ódio é errado e o resto é uma montanha de outros sentimentos, uma solidão gigantesca, muita confusão, desassossego, saudades cortantes, necessidade de afeto e urgências sexuais que não se adaptam as regras do bom comportamento. Há bilhetes guardados no fundo das gavetas que contariam outra versão da nossa história, caso viessem à público.
Todo o resto é o que nos assombra, as escolhas não feitas, os beijos não dados, as decisões não tomadas, os mandamentos que não obedecemos, ou que obedecemos bem demais – a troco de que fomos tão bonzinhos?
Há o certo, o errado e aquilo que nos da medo, que nos atrai, que nos sufoca, que nos entorpece. O certo é ser magro, bonito, rico e educado. O errado é ser gordo, feio, pobre e analfabeto, e o resto nada tem a ver com estes reducionismos... e nossa fome por idéias novas, e nosso rosto que se transforma com o tempo, e nossas cicatrizes de estima, e os nossos erros e desilusões? Todo o resto é muito vasto. E nossa porra-louquice, nossa ausência de certezas, nossos silêncios inquisidores, a pureza e inocência que nos mantém vivas dentro de nós mas que ninguém percebe, só porque crescemos?!?
A maturidade e um álibi frágil. Seguimos com uma alma de criança que finge saber direitinho tudo o que deve ser feito, mas que no fundo entende muito pouco sobre as engrenagens do mundo. Todo o resto é tudo aquilo que ninguém aplaude e ninguém vaia, porque ninguém vê!...

domingo, 19 de setembro de 2010

PARA TU AMOR

Para Tu Amor
JUANES

Para tu amor lo tengo todo
Desde mi sangre hasta la esencia de mi ser
Y para tu amor que es mi tesoro
Tengo mi vida toda entera a tus pies
Y tengo también un corazón
Que se muere por dar amor
Y que no conoce el fin
Un corazón que late por vos
Para tu amor no hay despedidas
Para tu amor yo solo tengo eternidad
Y para tu amor que me ilumina
Tengo una luna, un arco iris y un clavel
Y tengo también un corazón
Que se muere por dar amor
Y que no conoce el fin
Un corazón que late por vos
Por eso yo te quiero tanto
Que no sé como explicar lo que siento
Yo te quiero porque tu dolor es mi dolor
Y no hay dudas yo te quiero
Con el alma y con el corazón
Te venero hoy y siempre
Gracias yo te doy a ti mi amor
Por existir
Para tu amor lo tengo todo, lo tengo todo
Y lo que no tengo también, lo conseguiré
Para tu amor que es mi tesoro
Tengo mi vida toda entera a tus pies
Y tengo también un corazón
Que se muere por dar amor
Y que no conoce el fin
Un corazón que late por vos
Por eso yo te quiero tanto
Que no sé como explicar lo que siento
Yo te quiero porque tu dolor es mi dolor
Y no hay dudas yo te quiero
Con el alma y con el corazón
Te venero hoy y siempre
Gracias yo te doy a ti mi amor
ACESSE NO YOUTUBE